Unidade emergencial da Casa de Passagem orienta usuários sobre a COVID-19

Publicado em 30/07/2020 Editoria: Social

População em situação de rua recebe, além do acolhimento, informações, kit de higiene pessoal, álcool gel e máscaras para a prevenção do Coronavírus

Em funcionamento desde 1º de junho, para promover acolhimento e proteção à população em situação de rua em tempos de pandemia, a unidade emergencial da Casa de Passagem de Atibaia proporciona aos usuários informações sobre o Coronavírus, além da distribuição de kit de higiene pessoal, álcool em gel e máscaras para proteção individual.

A unidade montada pela Secretaria de Assistência e Desenvolvimento Social – SADS para uso temporário foi preparada para receber pessoas em situação de rua que ainda não aceitam a permanência na Casa de Passagem. Outro fator de suma importância na criação de uma segunda unidade, foi a garantia de isolamento social aos usuários que vivem na Casa permanente, preservando a saúde dos mesmos.

O alojamento emergencial recebe em médias 30 usuários por noite. Com entrada às 19h, cada acolhido tem sua temperatura medida, tomam banho, recebem roupas limpas, jantam e são encaminhados para passar a noite em camas devidamente higienizadas. Ao acordar, recebem café da manhã e retornam às ruas e suas rotinas. Caso algum usuário apresente estado febril é encaminhado pela equipe para a Unidade de Pronto Atendimento – UPA Cerejeiras.

No início deste mês, após a Prefeitura da Estância de Atibaia ter firmado o Termo de Aceite, o Governo do Estado enviou para a cidade a doação de 20 camas, 20 colchões, material de limpeza e álcool gel para incrementar e ampliar a capacidade do alojamento provisório. A verba de 10 mil reais que fez parte da doação está sendo investida em equipamentos de proteção individual para cada acolhido que passa pelo alojamento.

A unidade emergencial da Casa de Passagem fica na Av. Carvalho Pinto (antigo SENAI) e após a pandemia, os mobiliários estarão disponíveis para atender situações emergenciais dentro da Proteção Social de Alta Complexidade.

› FONTE: Atibaia News (portalatibaianews.com.br)